Blocão acelera abertura da CPI da Saúde

O blocão construído pela presidente da Câmara Legislativa, deputada distrital, Celina Leão (PPS), acelerou a abertura da CPI da Saúde. Além de emplacar a maioria dos membros da comissão, a frente suprapartidária pretende definir os nomes do presidente e do relator na próxima semana.

Ainda em fase de estruturação, a CPI já “torpedeou” os planos do governo Rollemberg de levar para o plenário um projeto para redefinir as regras de implantação de Organizações Sociais (OSs) na Saúde na rede pública. Celina afirmou que a Casa não votará a matéria enquanto a comissão estiver aberta.

O blocão nasceu da insatisfação de Celina e de parte dos demais parlamentares com a manobra do Buriti para inviabilizar a instituição da reeleição para o comando do Legislativo. Neste embalo, a comissão promete fazer uma devassa na Saúde, indo da gestão de Agnelo Queiroz até o governo  Rollemberg.

O Buriti vem pressionando para frear a CPI. “A gente percebe ameaças aos deputados porque vão investigar. Eles não aceitam ser investigados. Nosso foco principal será no mandato passado”, afirmou Celina. No entanto, a parlamentar considera é que precisa avaliar a gestão atual para saber se situações irregulares continuam ou não.

 Fonte: Jornal de Brasília

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here