Três perguntas para o Presidente do Metrô Marcelo Dourado

Crédito: Dênio Simões – Ag. Brasília

Qual é o maior desafio para o presidente do Metrô?

A expansão e a modernização do sistema metroviário e o início da implantação do trem metropolitano Brasília/Luziânia e do trem regional Brasília/Goiânia. O Metrô-DF começou a operar, comercialmente, em 2001, e precisa de investimentos constantes para atender a população com mais eficiência e qualidade.

O que o usuário do Metrô tem a comemorar nesses dois anos de Governo Rollemberg?

A redução das falhas e maior pontualidade e segurança da operação são as mudanças mais sentidas pelos usuários. Também reduzimos em R$ 58,3 milhões os gastos com manutenção em 2016. A diminuição não resultou em qualquer tipo de prejuízo ao funcionamento do sistema. Dessa forma, houve redução da dependência do Metrô em relação aos recursos do Tesouro do DF.

Quais são as principais obras de ampliação do Metrô previstas para os próximos anos?

A expansão de duas estações em Samambaia, duas em Ceilândia, o início da implantação da linha 2 na Asa Norte, com uma estação nas proximidades da Galeria do Trabalhador, e a conclusão dos estudos e a implantação da rede de VLTs (veículo leve sobre trilhos) no Eixo Monumental, na W3 Sul/Norte e em Ceilândia/Taguatinga.

Por Sandro Gianelli
Coluna On´s e Off´s / Jornal Alô Brasília

COMPARTILHAR
Artigo anteriorCombate a dengue
Próximo artigoBuraqueira

Consultor em Marketing Político; especialista em pesquisa de opinião pública; autor do Blog do Sandro Gianelli; escreve a coluna On´s e Off´s, de segunda a sexta, no Jornal Alô Brasília; apresenta o programa Conectado ao Poder, aos sábados, das 12h às 14h, na Rádio OK FM. É presidente da Associação dos Blogueiros de Política do Distrito Federal e Entorno.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here