Escolha uma Página

O deputado federal Rogério Rosso, aproveitou as inserções partidárias do PSD, para se posicionar contrário a lista fechada. Rosso reconhece que é necessário a discussão de uma reforma política, mas a ideia de se inserir a lista fechada no processo eleitoral brasileiro vai contra o que diz a Constituição. “O Supremo Tribunal Federal (STF) é o guardião da Constituição, e a nossa Constituição fala que o voto é direto e secreto, não em lista. Somos contra o voto em lista fechada.”

Por Sandro Gianelli
Coluna On´s e Off´s / Jornal Alô Brasília