Sem água e com aumento

O brasiliense terá que se acostumar com o racionamento de água que não tem previsão para encerrar e ainda terá que pagar mais caro pela água. O aumento será de pouco mais de 3% e terá inicio no dia 1º de junho. A autorização foi dada pela Agência Reguladora de Águas, Energia e Saneamento do Distrito Federal (Adasa).

Por Sandro Gianelli / Coluna On’s e Off’s / Jornal Alô Brasília

COMPARTILHAR
Artigo anteriorBarrados pelo MP
Próximo artigoDesvio de função

Consultor em Marketing Político; especialista em pesquisa de opinião pública; autor do Blog do Sandro Gianelli; escreve a coluna On´s e Off´s, de segunda a sexta, no Jornal Alô Brasília; apresenta o programa Conectado ao Poder, aos sábados, das 12h às 14h, na Rádio OK FM. É presidente da Associação dos Blogueiros de Política do Distrito Federal e Entorno.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here