A chapa esquentou

Mesmo afastado da presidência do PHS, Eduardo Machado conduziu uma reunião na sede regional do partido no estado de Goiás, em Goiânia. Porém, simpatizantes da legenda queimaram pneus e chegaram com faixas pedindo a saída do ex-presidente, em virtude das denúncias de uso indevido e de forma fraudulenta dos recursos do fundo partidário.

Mudar a regra

Eduardo Machado é acusado ainda, de tentar mudar as regras do Conselho Gestor Nacional – CGN para seu próprio favorecimento. Machado foi afastado depois de uma série de denúncias que foram apresentadas ao Conselho de Ética da Nacional, culminando no seu afastamento realizado pelo CGN.

Crise institucionalizada

Mesmo diante de variadas denúncias formuladas contra sua condução partidária, Eduardo tem tomado medidas totalmente despropositadas e irresponsáveis, inclusive com a tentativa de furto de documentos fiscais da tesouraria nacional na Sede Nacional em Brasília. O fato acabou virando caso de polícia.

Por Sandro Gianelli / Coluna On’s e Off’s / Jornal Alô Brasília

COMPARTILHAR
Artigo anteriorFalta de medicamento
Próximo artigoDecisão unanime

Consultor em Marketing Político; especialista em pesquisa de opinião pública; autor do Blog do Sandro Gianelli; escreve a coluna On´s e Off´s, de segunda a sexta, no Jornal Alô Brasília; apresenta o programa Conectado ao Poder, aos sábados, das 12h às 14h, na Rádio OK FM. É presidente da Associação dos Blogueiros de Política do Distrito Federal e Entorno.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here