Escolha uma Página

O senador Reguffe (sem partido/foto) apresentou em 2015 a Proposta de Emenda Constitucional (PEC) 52/2015, que muda a forma de escolha de ministros de tribunais superiores. Para o senador é preciso acabar com a enorme influência política que existe hoje nessas instituições.

Julgar o que é justo

Reguffe entende que no momento de julgar, o ministro deve pensar apenas se aquilo é justo ou não, é correto ou não, e não se aquilo vai beneficiar ou prejudicar determinado político ou partido. O desabafo do senador é por conta do resultado do julgamento da chapa Dilma/Temer.

Por Sandro Gianelli / Coluna On’s e Off’s / Jornal Alô Brasília