“A tecnologia será o foco da eficiência do serviço público”, afirma Alírio Neto

Alírio Neto é presidente do PTB no DF, foi Administrador do Guará, Secretário de Justiça e Cidadania em dois mandatos, deputado distrital por três mandatos e presidente da Câmara Legislativa. Durante entrevista a Coluna On´s e Off´s o pré candidato ao GDF fez criticas ao governo, mas também apresentou algumas ideias para melhorar a gestão pública. Alírio reconhece que as finanças do GDF não cresceram, mas acredita que o aumento de impostos e a ineficiência da gestão tem contribuído para a paralisia no Distrito Federal.

Tecnologia

Alírio critica o uso da tecnologia com o único intuito de realizar cobranças de impostos. O presidente do PTB local, afirmou que a tecnologia só tem sido eficiente na cobrança de impostos. Ele acredita que a tecnologia é o caminho para aumentar a eficiência do serviço público.

Tecnologia no Na Hora

“Quando fui Secretario de Justiça e Cidadania, implantei no Na Hora um sistema de avaliação do atendimento. O sistema identificava a qualidade do atendimento e determinava a gratificação do servidor. Isso garantiu que o Na Hora fosse um dos serviços público com a melhor avaliação e esse é um exemplo do uso da tecnologia em detrimento da população”, disse Alírio.

Tecnologia na saúde

Alírio defende a criação de aplicativos para saber onde tem médicos e até que horário eles estarão presentes nos hospitais públicos. Basta criar um sistema de fiscalização e divulgação dos profissionais de saúde. Assim acabariam com as viagens perdidas aos hospitais e os pacientes iriam aos hospitais que tivessem atendimento.

Fiscalização dos plantões

Esses dados podem ser cruzados com as escalas de serviço o que ajudaria os gestores da saúde a fiscalizar os médicos, bem como inibiria a ausência do serviço.

Distribuição de medicamentos

Outro tipo de sistema defendido por Alírio serve para o acompanhamento dos medicamentos na rede pública. Um aplicativo serviria para divulgar a quantidade de medicamentos que existem nas farmácias. Esses dados seriam atualizados on line e serviriam para planejar a compra de medicamentos com antecedência.

Correção dos recursos

Alírio defende que seja feita a integração do Sistema Único de Saúde (SUS) para que o DF possa receber os recursos que tem direito. Esses recursos são referentes ao atendimento de moradores de outras cidades. Hoje o Ministério da Saúde distribui os recursos baseando na quantidade de habitantes de cada cidade, porém alguns municípios já conseguem receber recursos pelo atendimento de moradores vindos de outras cidades.

Tecnologia na segurança

Uma das maiores criticas feitas por Alírio foi em relação aos pardais que utilizam o sistema de OCR – sigla em inglês para “registro ótico de caracteres”. O sistema permite uma leitura mais clara das placas dos veículos e pode ajudar as forças de segurança a identificar motoristas em situação irregular.

Ampliação do uso

Para Alírio, no DF, o sistema de OCR só tem sido utilizado para multar ou prender carros em situação irregular, mas poderia ser utilizado para localizar e prender carros roubados. Alírio defende que até as câmeras particulares poderiam ser utilizadas para a segurança pública do Estado.

Erro na nomeação

Alírio apresentou alguns números para justificar uma critica a nomeação do atual Secretário de Segurança. Segundo Alírio o DF resolve 70% dos casos investigados, já o Estado do Rio de Janeiro, de onde vem o atual secretário de segurança, só resolve 4%. Para Alírio o DF possui pessoas mais qualificadas para gerir a pasta.

PTB e PSDB juntos

Recentemente o presidente nacional do PTB, o ex-deputado federal Roberto Jefferson, afirmou que o partido deverá apoiar a candidatura nacional do PSDB. Jefferson adiantou que o PTB terá candidatura ao governo em pelo menos 3 estados e que trabalhará para que o PSDB nacional garanta o apoio ao PTB nesses estados.

PTB ou PSB?

No DF, PTB e PSDB possuem pré-candidatos ao governo: Alírio Neto (PTB) e Izalci Lucas (PSDB). Izalci Lucas terá muito trabalho para manter sua candidatura pelo PSDB. Além do PTB nacional exigir o apoio do PSDB local, o PSB de São Paulo trabalha para que o os partidos caminhem juntos nas eleições de 2018.

Presidência da CLDF

Alírio Neto foi enfático em afirmar que não será candidato a Câmara Legislativa. Rumores afirmavam que na hora H ele será candidato a deputado distrital para voltar a presidir a Câmara.

Contribuição esgotada

“Meu espaço como deputado distrital se esgotou. É impossível que eu me candidate a Câmara Legislativa. Não acredito que um parlamentar continue a contribuir para a sua cidade após três mandatos. Já tive os meus três, agora é hora de novos desafios”, afirmou Alírio.

Sem esforço

Para Alírio, o DF tem dois problemas: financeiro e gestão. “As finanças do DF não cresceram, o DF perdeu grandes empresas e o governo não se esforçou para que elas fossem mantidas. O GDF precisa caminhar junto ao setor produtivo”.

Aumento do desemprego

O presidente do PTB fez criticas ao governador Rodrigo Rollemberg. Para Alírio, Rollemberg acabou com a construção civil no DF. “Cerca de 1.500 distratos de compra entre a Terracap, construtoras e outros setores do comercio foram realizados. O GDF barrou a circulação financeira no DF com o aumento de impostos, o que não resolveu o problema das finanças e ainda causou o aumento do desemprego”.

Por Sandro Gianelli / Coluna On’s e Off’s / Jornal Alô Brasília

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here