On´s e Off´s | O ex-governador Arruda tem nova condenação

Por Sandro Gianelli

Condenados

O ex-governador José Roberto Arruda, seu chefe da Casa Civil José Geraldo Maciel, o ex-presidente da Agência de Informática do GDF Luiz Paulo Costa Sampaio, o ex-secretário de Relações Institucionais Durval Barbosa e o empresário Gilberto Lucena dono da Linknet foram condenados por mau uso de recursos públicos.

Absolvidos

O ex-vice-governador Paulo Octávio, o ex-secretário de Planejamento Ricardo Penna e o ex-corregedor Roberto Giffoni foram absolvidos na mesma sentença.

Prisões

Anthony Garotinho e Rosinha Matheus foram presos na manhã desta quarta-feira (22). Ambos foram ex-governadores do Estado do Rio de Janeiro. A prisão tem relação com a delação do Ricardo Saud, da JBS.

Segurança em alta

O deputado federal Alberto Fraga (DEM) comemorou a aprovação de vários projetos voltados para a área de segurança pública. A Câmara dos Deputados aprovou a obrigação de instalação de bloqueadores de sinal de celulares nas áreas perto dos presídios, acabou com a progressão de pena para assassinos de policiais e as regras para ter direito ao “Saidão” foram endurecidas.

Sem vaidade

“Estou na Câmara há 20 anos, e essa foi a primeira vez que vi os partidos dialogarem, discutirem as matérias e votarem juntos. Despidos de vaidade, empenhados. É preciso dar continuidade a esse trabalho”, disse Fraga.

Panatenaico 1

O processo contra o deputado federal Rogério Rosso (PSD) teve andamento. A procuradora-geral da República, Raquel Dodge, pediu ao Supremo Tribunal Federal (STF) informações sobre as menções ao deputado contidas na Operação Panatenaico. Dodge quer ter acesso aos dados para decidir sobre a abertura de inquérito para investigar Rosso.

Panatenaico 2

Os ex-governadores Agnelo Queiroz e José Roberto Arruda, além do ex-vice governador Tadeu Filippelli foram presos pela Panatenaico com a acusação de terem recebido propina desviada das obras do estádio Mané Garrincha.

Reincidente

O PSDB/DF mais uma vez perdeu o direito de veicular sua propaganda eleitoral gratuita. O Tribunal Regional Eleitoral (TRE-DF) alegou que a veiculação da propaganda eleitoral do PSDB está fora do que a Lei determina. O partido deveria divulgar seu trabalho do partido, mas optou por fazer críticas ao governador Rodrigo Rollemberg.

Calando os opositores

Rollemberg tem se saído bem em relação as propagandas eleitorais partidárias. Em todos os governos os partidos de oposição fazem criticas ao governador e sua gestão. Porém, Rollemberg e o PSB tem se valido da legislação e tem freado as inserções de siglas opositoras.

Vetados

O PSDB perdeu suas inserções partidárias por duas vezes. O TRE entendeu que as alterações feitas pelo partido não foram suficientes. Outra siglas passaram pelo mesmo problema. PT, DEM e PTB foram algumas delas.

Distrital misto

O plenário do Senado aprovou o voto distrital misto nas eleições proporcionais para a escolha de deputados federais, estaduais, distritais e vereadores. As propostas serão agora encaminhadas para análise e votação da Câmara dos Deputados. A medida, se aprovada na Câmara, só valerá a partir de 2020.

* A Coluna é escrita por Sandro Gianelli e publicada de segunda a sexta no Blog do Sandro Gianelli, no Jornal Alô Brasília e no Portal Alô Brasília.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here