Coluna Entorno | Ministério Público aciona políticos de Cristalina por improbidade administrativa

Por Sandro Gianelli

Ilegalidade

O Ministério Público acionou por improbidade administrativa o gestor municipal de Cristalina, Jean Eustáquio Magalhães Alves, o vice-prefeito e secretário de Administração, Luiz Henrique Trole; os membros da Comissão de Licitação Nara Rúbia da Silva, Fábio Barreto, João José Fernandes Soares Filho.

Favorecimento

Os empresários Vanderlei Benatti da Silva, Douglas Benatti da Silva e o Posto Centro Oeste também foram acionados. Os empresários foram os beneficiários do ato que a justiça considerou ilegal. A apuração indica que objetivo da contratação emergencial do posto de gasolina era favorecer apoiadores políticos do atual prefeito, Daniel Sabino Vaz.

Feriado transferido

A Promotoria de Justiça de Cocalzinho de Goiás informa que não haverá expediente nesta sexta-feira (1º/12). O feriado municipal pelo Dia do Evangélico, celebrado no dia 30 de novembro, foi alterado pelo Decreto nº 4.955, de 13 de novembro deste ano. Assim, as atividades serão retomadas no órgão na segunda-feira (4/12).

* A Coluna é escrita por Sandro Gianelli e publicada de segunda a sexta no Blog do Sandro Gianelli, no Jornal Alô Brasília e no Portal Alô Brasília.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here