Entrevista | “Estamos preparados para enfrentar o debate com qualquer candidato”, diz Rodrigo Rollemberg

Por Sandro Gianelli

Foto: Dênio Simões-Agência Brasília

O governador do Distrito Federal Rodrigo Rollemberg (PSB) concedeu entrevista para a Associação dos Blogueiros de Política do Distrito Federal e Entorno (ABBP), na manhã de ontem (4/12). O encontro foi realizado no Palácio do Buriti. Nesta primeira parte da coletiva o governador Rodrigo Rollemberg fala dos investimentos realizados em parceria com o Estado de Goiás para a região do Entorno, sobre o que o seu governo tem feito em relação à crise hídrica no DF e faz uma rápida avaliação da crise financeira herdada pelas gestões anteriores. A Coluna On´s e Off´s trouxe um resumo das declarações.

Sabatina ABBP

O projeto Sabatina está em sua 29ª edição. Durante os três anos do projeto, a ABBP agiu de forma imparcial ouvindo políticos da oposição, situação e de diversos partidos políticos independente da ideologia. A 29ª edição foi a última deste ano. Em 2018, a ABBP ouvirá todos os pré-candidatos inseridos na sucessão ao Palácio do Buriti e durante as eleições realizará um debate com os candidatos que viabilizarem suas candidaturas ao governo.

Entorno

“Não teve nenhum governo na história de Brasília que tenha trabalhado de forma tão integrada com o Entorno. Esse é um depoimento do próprio governador Marconi Perillo (PSDB-GO) que já governou o Estado de Goiás por quatro vezes.”

Transporte

“Nós temos conversado com o governador Marconi Perillo e com a Agência Nacional dos Transportes Terrestres (ANTT) no sentido de integrar o transporte público entre os municípios do Goiás e o DF. Os estudos técnicos do trem de média velocidade entre Brasília e Luziânia estão concluídos e deve ser iniciado o processo de licitação para a construção desse trem. Os estudos para a transformação do trem de passageiros entre Brasília e Luziânia estão em curso.”

BRT DF/Goiás

“Estive com o governador Marconi Perillo pelo menos umas cinco vezes para tratar do BRT entre Santa Maria e Luziânia. O problema é que o consórcio que ganhou a exploração da BR 040 tem dificuldades em função desse momento político e econômico.”

Barragem do descoberto

“Toda a rede de esgotos de Águas Lindas foi feita pela Caesb. Nós já inauguramos a estação de tratamento de esgotos de Águas Lindas que é a mais moderna do Brasil. E que contribui para garantir a qualidade das águas da barragem do descoberto e a qualidade de vida da população.”

Crise hídrica 1

“Nos estamos fazendo, com a parceria do Estado de Goiás, a captação da estação de tratamento de Corumbá, uma obra de 540 milhões de reais, metade custeado pelo DF e a outra metade pelo Goiás. A parte do DF esta bastante avançada. A parte de Goiás também esta ganhando um ritmo elevado. Nossa expectativa é de inaugurar até o final do ano que vem.”

Crise hídrica 2

“A obra de Corumbá oferecerá água para Luziânia, Cidade Ocidental, Valparaíso e Novo Gama, no Estado de Goiás, e no DF, em Santa Maria, Gama e Recanto das Emas.”

Nascentes

“Iniciamos um programa de recuperação das nascentes na bacia do descoberto. Serão 240 nascentes recuperadas em parceria com a fundação Banco do Brasil.”

Barragem de Santa Maria

“Algumas cidades que antes eram abastecidas pela barragem do descoberto hoje estão sendo abastecidas pela barragem de Santa Maria. Com a inauguração das duas unidades de captação de água que inauguramos no Paranoá e no Bananal, cidades como, Guará 1 e 2, Candangolândia, Núcleo Bandeirante e parte de Águas Claras já estão sendo abastecidas por Santa Maria, e com isso existe uma redução do volume de água que sai do descoberto.”

Canal do rodeador

“Aprovamos na Câmara Legislativa o financiamento de recursos que irão permitir a construção da tubulação de canais importantes como o canal do rodeador, que terá uma extensão de 12 quilômetros.”

Parceria DF e Goiás

“Tirando a barragem do Corumbá que é uma obra muito importante que foi feita pelo Governo de Brasília e que serve para o DF e o Goiás, quais são as outras obras de grande magnitude que foram realizadas por outros governos promovendo essa integração entre o DF e o Goiás?”

Crise financeira 1

“Encontramos um governo financeiramente sucateado em função da má gestão e em função da irresponsabilidade fiscal. Estamos arrumando a casa. Quando começamos o governo o DF tinha uma das situações mais difíceis do país naquele momento. Tivemos que tomar medidas duras e não titubeamos em toma-las.”

Crise financeira 2

“Enquanto o Rio de Janeiro, Minas Gerais, Rio Grande do Sul e outras unidades da Federação estão parcelando salários dos servidores públicos, os salários no DF estão em dia. Estamos aos poucos acabando com a divida que herdamos do governo passado. Estamos aproximando cada vez mais a data de pagamento dos fornecedores e dos prestadores de serviço. Brasília esta retomando a sua atividade econômica.”

Eleições

“Estamos preparados para enfrentar o debate com qualquer candidato. Até mesmo porque alguns que estão se apresentando como pré-candidatos são os responsáveis pela instalação do caos que encontramos na cidade. Seja pela construção irresponsável de um estádio de quase 2 bilhões de reais, que não tem praticamente serventia alguma. Seja pelos desvios que estão sendo investigados.”

Governo correto

“O nosso governo é um governo correto, um governo que teve coragem de tomar as medidas necessárias e hoje nos temos uma cidade equilibrada.”

* A Coluna é escrita por Sandro Gianelli e publicada de segunda a sexta no Blog do Sandro Gianelli, no Jornal Alô Brasília e no Portal Alô Brasília.

COMPARTILHAR
Artigo anterior“O marketing sozinho não define uma eleição”, avaliam especialistas
Próximo artigoAssembleia Geral da ABBP acontece em 9 dezembro

Consultor em Marketing Político; especialista em pesquisa de opinião pública; autor do Blog do Sandro Gianelli; escreve a coluna On´s e Off´s, de segunda a sexta, no Jornal Alô Brasília; apresenta o programa Conectado ao Poder, aos sábados, das 12h às 14h, na Rádio OK FM. É presidente da Associação dos Blogueiros de Política do Distrito Federal e Entorno.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here